Blog do Sono

Existem ao menos 16 formas diferentes de dormir. Essa é uma conclusão realizada por um estudo no Reino Unido e publicado na PNAS, constatada através de uma revisão sistêmica de dados de sono de 100 mil pessoas que vivem na região. No futuro, espera-se que a pesquisa ajude especialistas a diagnosticarem melhor a insônia e a pré-insônia.

As pessoas estão valorizando uma boa noite de sono. Diferentes marcas já entenderam o recado e estão apostando na economia do sono, proporcionando alternativas que ajudam a dormir melhor. Segundo um estudo publicado no The Lancet, em junho de 2021, uma em cada cinco pessoas apresentou problemas de sono durante a pandemia, algo que explica, em parte, o aumento das preocupações em relação à questão.

Tanto a apneia como a sinusite reduzem a qualidade do sono. A primeira ocorre devido à obstrução parcial ou completa das vias respiratórias e é diagnosticada pela manifestação de alguns sintomas: boca seca, sonolência, irritabilidade, dores de cabeça, no peito e na garganta, além de ronco e falta de concentração.

Mais um ano está chegando ao fim, em que vivemos novamente as oscilações da pandemia. Tantas mudanças e preocupações acabam afetando também a qualidade do sono. Estamos desgastados, todos sonhamos com a retomada mais próxima da normalidade e, com todos os percalços, precisamos prosseguir. 

A apneia do sono é um dos principais distúrbios quando o assunto é má qualidade do sono. Caracterizada por pausas respiratórias devido a obstruções na garganta, esse é um sério problema de saúde. Muitas pessoas desconhecem os sintomas e não procuram o diagnóstico dessa condição, o que pode causar complicações.

Quem já não teve a sensação de acordar cansado? Ou então, mesmo dormindo as oito horas recomendadas de sono despertar exausto? Se você se viu representado nestas duas perguntas, faz parte de uma multidão de pessoas que sofrem de privação do sono. Segundo estatísticas do Dia Mundial do Sono, problemas na hora de dormir fazem parte de uma “epidemia global que ameaça a saúde e a qualidade de vida de até 45% da população mundial”.

Tudo Sobre o Sono

Agende seu exame na pneumosono.

A melhor infraestrutura para você!

Fale Conosco