Blog do Sono

Na maioria das vezes, o bruxismo – ranger dos dentes durante o sono – é diagnosticado pelo dentista, mas ele é um dos vários distúrbios do sono existentes. Não se sabe ao certo suas causas, mas estresse, ansiedade e eventuais problemas neurológicos podem desencadear o problema, que costuma gerar dor de cabeça, dor facial, desconforto ao morder, além do desgaste do esmalte dos dentes. Mas seu tratamento necessita de profissional especializado em distúrbios do sono como o bruxismo e os demais a seguir.

As campanhas de vacinação realizadas pelo poder público são de extrema importância para proteger as pessoas acima de 60 anos das doenças respiratórias. Mas existe uma vacina que não é oferecida pelo sistema público de saúde e que protege os idosos contra diversos tipos de pneumonias bacterianas e outras doenças respiratórias.

A vacina pneumocócica 13-valente é segura e imunogênica, fazendo com que o corpo produza os anticorpos necessários para ficar protegido. A recomendação é que todos os idosos tomem esta vacina, pois ficarão protegidos não somente da pneumonia, mas também da meningite, septicemia, otite e sinusite. Todas essas doenças podem ser muito perigosas se o idoso não estiver protegido.

Já a partir dos 50 anos, pessoas que tenham asma, diabetes, bronquite ou problemas cardíacos  são candidatas a se imunizarem. E dos 60 anos em diante, a vacina é indicada para todos os idosos, mesmo aqueles que tenham ótima saúde, pois uma vez instalada a pneumonia, a condição de saúde pode se deteriorar rapidamente e provocar danos irreversíveis ou até o óbito. 

Por reconhecer a importância e necessidade de promover a qualidade de vida dos idosos e preservar a saúde, pois pneumonia em idosos é grave, o Centro de Distúrbios do Sono – Pneumosono disponibiliza a vacina para quem tiver interesse.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), a Síndrome Metabólica “corresponde a um conjunto de doenças cuja base é a resistência insulínica. Pela dificuldade de ação da insulina, decorrem as manifestações que podem fazer parte da síndrome”.

Qualquer pessoa consegue perceber que uma noite bem dormida faz toda diferença no decorrer do dia. Mas um estudo, recentemente divulgado na revista científica Sleep Journal, realizado pela Universidade de Warwick, no Reino Unido, conseguiu quantificar monetariamente esse benefício.

Pacientes que apresentam dores crônicas como doenças reumáticas, fibromialgia, artrite reumatoide, lombalgia, entre outras, frequentemente se queixam da pouca qualidade do sono. Insônia, múltiplos despertares, sono superficial são as principais reclamações associadas às dores crônicas.

Tudo Sobre o Sono

Agende seu exame na pneumosono.

A melhor infraestrutura para você!