Consumo em excesso de bebidas alcoólicas afeta o sono

Um estudo coreano de 2015 apresentou dados sobre a interferência negativa do álcool no sono das pessoas. Por meio de dois questionários, os pesquisadores compararam os resultados masculinos e femininos obtidos deles e constataram que o consumo excessivo de álcool afetava mais o sono dos homens.

De acordo com os questionários, os homens se queixaram mais da má qualidade do sono. Além disso, os homens que dormiam menos de 6 horas por noite e apresentavam problemas de sono, como ronco e apneia do sono, consumiam mais bebidas alcoólicas.

Entre as mulheres, os resultados mostraram que o maior consumo de álcool interferia negativamente nas atividades diárias, mas não interferia significativamente no sono. Mas os pesquisadores ressaltam que se o consumo for elevado e crônico, a qualidade do sono também será afetada.

Resumindo, o consumo moderado de álcool pode fazer muito bem ao sono de homens e mulheres. Beba moderadamente.

Tudo Sobre o Sono

Agende seu exame na pneumosono.

A melhor infraestrutura para você!