Dormir bem é aliado contra novo coronavírus

O novo coronavírus (Covid-19), de rápida propagação, mudou a rotina do mundo inteiro. O número de casos confirmados no Brasil vem aumentando todos os dias. A fácil transmissão pelo ar ou contato com pessoas ou superfícies contaminadas por si só já explica a necessidade do isolamento social. 

 

Essa estratégia vem sendo englobada em vários países, pois limita o contato de possíveis contaminados com outras pessoas. Há algumas alternativas que ajudam no fortalecimento imunológico para prevenir o contágio, como se hidratar, alimentar-se bem e preservar o sono. Uma das principais funções do sono é fortalecer o sistema imunológico, prevenindo inclusive as doenças virais. A melatonina - hormônio produzido enquanto dormimos - é responsável por esse processo. 

 

Um estudo da Universidade Carnegie Mellon revelou que, das 153 pessoas participantes, quem dorme menos de 7 horas por noite está mais propenso a contrair resfriados e doenças relacionadas, já que ocorre diminuição da imunidade. Quando dormimos mal, também há aumento na produção de cortisol, hormônio que, em excesso, enfraquece a imunidade e provoca estresse. 

 

Neste contexto de pandemia, valorize o sono. Mantenha, durante a quarentena, o hábito de ir para a cama e o horário de acordar, evitando exposição demasiada aos eletrônicos. Lembre: dormir bem é cuidar da saúde.

Tudo Sobre o Sono

Agende seu exame na pneumosono.

A melhor infraestrutura para você!