Como manter uma rotina de sono com qualidade no inverno?

 

O corpo humano é influenciado por ações externas, e grandes mudanças climáticas têm um impacto significativo no dia a dia. No inverno, é comum que as pessoas sintam mais sono do que no verão, por exemplo. Esse fenômeno seria explicado pelo aumento da produção de melatonina.

Como os dias são mais curtos e as noites mais longas nessa estação, esse hormônio, que é responsável pela indução do sono, começa a ter uma produção muito maior, sendo estimulado pela escuridão.

Como a temperatura cai drasticamente e o metabolismo desacelera, é comum que se passe mais tempo dentro de casa debaixo de cobertores e com o ar-condicionado ligado no quente, aumentando a vontade de deitar-se na cama e dormir. O aumento da ingestão de alimentos pesados também sobe consideravelmente, já que para o corpo produzir mais calor se faz necessário mais energia, obtida através da comida, o que soma ainda mais à vontade de descansar.

Outra mudança significativa notada na estação mais fria é o aumento do mau humor. O culpado disso é outro hormônio, a serotonina, responsável pela regulação da saciedade, de dores de cabeça e do sono. Dessa vez, a produção desse componente diminui. Isso se deve ao fato das pessoas diminuírem a carga de exercícios físicos durante esses meses, atividade responsável pela produção do hormônio.

Porém, ainda que ocorram todas essas mudanças, não é necessário que as pessoas passem mais tempo dormindo. O que realmente importa é a qualidade do sono. É essencial um cuidado com detalhes bem simples que podem ser divididos em três etapas do dia.

-Ao acordar

É recomendável a exposição aos raios solares, responsáveis pela produção do hormônio serotonina.

-Até 3 ou 4 horas antes de dormir

É indicada a ingestão de alimentos leves e alongamentos simples, que ajudam no relaxar e no aquecer dos músculos.

-Ao se deitar

Manter uma postura correta ao deitar, com travesseiros de qualidade que não forcem muito a coluna. Além disso, é necessário manter o quarto sem luminosidade, já que a luz interfere na produção de melatonina. Isso agrega atividades como assistir televisão, utilizar notebooks e smartphones e quaisquer outras atividades que atrapalhe o sono profundo.

Tudo Sobre o Sono

Agende seu exame na pneumosono.

A melhor infraestrutura para você!