Você sabe por que devemos dormir bem?

Você já parou para pensar na quantidade de horas que você dorme por dia? Em função da rotina corriqueira, muitas pessoas não têm um sono saudável e acabam nem percebendo isso. Ao dormir pouco, o corpo sente efeitos como o esgotamento e cansaço extremo ao longo do dia.

Por isso, não basta apenas algumas horinhas de sono. O organismo necessita de um número X de horas para conseguir se recuperar e realizar as atividades diárias.

Por que dormimos?

Nós precisamos dormir, pois durante o sono, há mudanças na secreção dos hormônios, no metabolismo e também nas funções cardiovasculares, respiratórias e termorreguladoras. Nós temos 5 etapas do sono.

1) Adormecimento

Esta é a primeira etapa e dura apenas alguns minutos, quando o corpo começa a relaxar para pegar no sono. Como é o início do sono, qualquer barulho pode nos acordar. Essa primeira etapa dura apenas alguns minutos.

2) Sono leve

É uma etapa estranha: é possível que, ao falarem conosco, respondamos e não nos lembremos do que aconteceu no dia seguinte.

3-4) Sono lento ou profundo

São as etapas nas quais os movimentos musculares diminuem, a frequência respiratória se torna menor e regular e a pressão arterial junto à frequência cardíaca diminuem.

É muito importante que não acordemos durante esse período. A secreção do hormônio do crescimento (principalmente na puberdade) eleva-se, bem como a secreção dos hormônios gonadotrópicos (FSH e LH), responsáveis pelos processos de ovulação e formação de espermatozoides, respectivamente.

5) Sono paradoxo

É a etapa onde acontecem os sonhos, onde existe muita atividade cerebral, aumentos irregulares da frequência cardiorrespiratória, diminuição da temperatura corporal, aumento da secreção de prolactina (que influencia na progesterona).

Todas as etapas do sono são fundamentais para uma noite bem dormida e de qualidade. Quando elas ocorrem normalmente, sem interrupções, o organismo descansa e consegue se recuperar das atividades exercidas durante o dia.

Quantas horas devemos ter de sono?

Pesquisadores e cientistas afirmam que o correto é dormir 8 horas para alcançarmos nossa capacidade máxima e nos recuperarmos para o dia seguinte. Muitas vezes, deixamos de lado ou não percebemos se estamos com algum dos transtornos do sono. Saiba as conseqüências de um sono de má qualidade.

·         Esgotamento

Os níveis de estresse aumentam quando não se dorme o suficiente. Além disso, favorece a acumulação das toxinas e o organismo não responde muito bem no dia seguinte. Nos sentimos cansados e lentos.

·         Memória e criatividade

O cérebro é afetado e pode não conseguir ordenar toda a informação que recebemos durante o dia. Isso causa alterações na memória, falta de concentração, mudanças no humor, irritabilidade e, até mesmo, depressão.

·         Infecções

A falta de sono torna o organismo mais vulnerável ao ataque de bactérias e vírus.

·         Os olhos

O bom sono evita olhos vermelhos, olheiras e problemas de visão.

·         Respiração

Se não dormimos todo o tempo que o organismo necessita, acabamos por afetar a oxigenação das células.

·         Emagrecimento

Quando o corpo não descansa o suficiente ele tende a acumular gorduras, principalmente na região do abdômen.

Dormir 8 horas recomendadas traz inúmeros benefícios. São eles:

·         Recuperação dos níveis energéticos que precisamos para enfrentar o dia a dia

  • Auxílio considerável na digestão, em função do aumento da irrigação de sangue no estômago e intestino
  • Regeneração das células cerebrais, que ocasiona maior capacidade de aprendizado e memorização
  • Produção de células sexuais
  • Aumento da produção de anticorpos, fortalece o sistema imunológico
  • Regeneração da pele

Tudo Sobre o Sono

Agende seu exame na pneumosono.

A melhor infraestrutura para você!