Criar hábitos saudáveis para dormir começa na infância

Dormir é uma necessidade para qualquer ser humano, é fisiológico. Portanto, o sono de qualidade interfere em todo organismo e no seu perfeito funcionamento. Muitos adultos possuem problemas para dormir bem. O ideal é que os bons hábitos comecem a ser desenvolvidos na infância.

Os principais pontos que pais devem ter atenção em relação ao sono dos seus filhos são:

• Colocar a criança para dormir em sua cama ou berço. Não é recomendável deixar crianças dormirem na cama dos pais.
• Crianças devem dormir naturalmente. Não devem ser acostumadas a dormir no colo ou carrinho, balançando.
• Em fase de amamentação, os bebês não devem ser acordados para mamar. Deixe que ele acorde e demonstre – normalmente com choro – que está com fome.
• Evite tirar o bebê do berço quando acordar à noite. Tente acalmá-la e ofereça o “amigo do sono” (naninha, bichinho lavável sem pelos).

O sono dos bebês é regulado pela fome até os quatro meses de idade. Nesta fase, ele não consegue distinguir dia da noite. A partir daí, ou pouco depois, por volta dos cinco ou seis meses, o sono do bebê fica mais concentrado à noite por conta do desenvolvimento neurológico. É nesta fase que se deve começar a construir um ritual para o sono.

Crianças devem ir para cama, no máximo, até as 21 horas. Mas a partir das 19h30, a casa deve “acalmar”, reduzindo barulhos e luzes, entrando no clima do sono. Assim, a criança começa a se acostumar com a hora de dormir, entendendo o ritual, como tomar banho, colocar o pijama, fazer higiene bucal etc., e consegue desenvolver a capacidade de se autoninar, principalmente com a ajuda do “amigo do sono”.

Assim, dificilmente a criança desenvolverá o que se chama de insônia comportamental, quando a criança só dorme por conta de algum fator externo, seja enrolar o cabelo da mãe com o dedo, seja ficar no colo de um adulto andando pela casa, entre outras situações.

Tudo Sobre o Sono

Agende seu exame na pneumosono.

A melhor infraestrutura para você!